_LogoSOSTER_TIVladimir Soster – SRTE-RO 1060
Me siga no Twitter
Me siga no Facebook

 

A Microsoft disponibilizou em sua Virtual Academy o treinamento gratuito Implantando Windows 8 com System Center 2012 Configuration Manager.

Com ele você aprenderá a implantar e migrar estações com Windows 7 e Windows XP para o Windows 8 utilizando o System Center 2012 Configuration Manager.

Treinamento gratuito: Implantando Windows 8 com System Center 2012

Implantando Windows 8 com System Center 2012 Configuration Manager

O treinamento gratuito Implantando Windows 8 com System Center 2012 Configuration Manager aborda itens como pré-requisitos necessários para implantação de sistemas operacionais, captura de imagens de sistemas operacionais, implantação do Windows 8 em estações que não tenham sistema operacional pré-instalado e outros.

Dividido em cinco módulos, o treinamento gratuito está disponível aqui.

Sobre o Windows 8

Lançado em 26 de outubro de 2012, o novo sistema operacional da Microsoft, que já ultrapassou a marca de 100 milhões de licenças vendidas, trouxe diversas novidades visando melhorar a experiência dos usuários em portáteis como tablets e laptops.

O Windows 8 traz uma nova interface otimizada para telas sensíveis ao toque e sua nova tela inicial substituiu o bom e velho menu Iniciar. Uma das vantagens é a atualização dinâmica das informações exibidas na tela graças aos Live Tiles (ou blocos dinâmicos).

O novo sistema operacional também inclui suporte para tecnologias como USB 3.0, inicialização segura via UEFI, sincronização de informações entre diferentes aparelhos (caso o usuário utilize uma Conta da Microsoft para se logar) e possui sua própria loja de aplicativo (Windows Store).

Ele também traz novos recursos como um cliente de virtualização integrado (Hyper-V), assim os usuários podem criar e executar máquinas virtuais sem precisar de softwares de terceiros e o Windows To Go, que permite a execução do sistema operacional a partir de um pendrive USB, por exemplo.

Saiba mais sobre o Windows 8 clicando aqui.

Anúncios

_LogoSOSTER_TIVladimir Soster – SRTE-RO 1060
Me siga no Twitter
Me siga no Facebook

 

A Microsoft disponibilizou em sua Virtual Academy o treinamento gratuito Windows 8 para profissionais de TI. Além apresentar a nova interface, o treinamento também oferece algumas dicas e truques para que os profissionais possam tirar melhor proveito do sistema operacional.

Windows 8 para profissionais de TI

Dividido em seis módulos, o treinamento gratuito aborda a implantação do Windows 8 em ambientes corporativos, recursos como Windows To Go, BitLocker Secure Boot e outros.

Treinamento gratuito: Windows 8 para profissionais de TI
Além disso, ele também aborda tecnologias que visam facilitar a vida de profissionais que usam o Windows 8 em portáteis e mostra como usar ferramentas como Diagnostics and Recovery Toolset (DaRT).

Confira o treinamento gratuito Windows 8 para profissionais de TI clicando aqui.

Sobre o Windows 8

Lançado em 26 de outubro de 2012, o novo sistema operacional da Microsoft, que já ultrapassou a marca de 100 milhões de licenças vendidas, trouxe diversas novidades visando melhorar a experiência dos usuários em portáteis como tablets e laptops.

O Windows 8 traz uma nova interface otimizada para telas sensíveis ao toque e sua nova tela inicial substituiu o bom e velho menu Iniciar. Uma das vantagens é a atualização dinâmica das informações exibidas na tela graças aos Live Tiles (ou blocos dinâmicos).

O novo sistema operacional também inclui suporte para tecnologias como USB 3.0, inicialização segura via UEFI, sincronização de informações entre diferentes aparelhos (caso o usuário utilize uma Conta da Microsoft para se logar) e possui sua própria loja de aplicativo (Windows Store).

Ele também traz novos recursos como um cliente de virtualização integrado (Hyper-V), assim os usuários podem criar e executar máquinas virtuais sem precisar de softwares de terceiros e o Windows To Go, que permite a execução do sistema operacional a partir de um pendrive USB, por exemplo.

Saiba mais sobre o Windows 8 clicando aqui.

_LogoSOSTER_TIVladimir Soster – SRTE-RO 1060
Me siga no Twitter
Me siga no Facebook

A versão 64 bits do Windows 8.1 build 9471 vazou na Web durante o final de semana e já pode ser encontrada facilmente na rede BitTorrent.

Este novo build inclui novos tutoriais no aplicativo Help + Tips, também inclui novos planos de fundo e atualizações para diversos aplicativos pré-instalados como o Mail.

Windows 8.1 build 9471 vaza na Web

Além disso, o Assigned Access (ex modo Kiosk) também já funciona no Windows 8.1 build 9471. Este recurso, que não estava presente na versão Preview lançada em junho, permite que um administrador configure o sistema operacional para permitir o uso de um único aplicativo por uma determinada conta de usuário. Este modo é útil principalmente para lojas que deixam PCs/notebooks expostos para demonstração.

Confira abaixo um vídeo apresentando algumas novidades do Windows 8.1 build 9471:

Algumas imagens do Windows 8.1 build 9471:

W81-9471_2

W81-9471_3

W81-9471_4

W81-9471_5

W81-9471_6

W81-9471_7

Sobre o Windows 8.1

Windows 8.1 é o nome da primeira grande atualização para o Windows 8. Esta atualização será disponibilizada gratuitamente para os usuários do novo sistema operacional da Microsoft através da Windows Store no segundo semestre de 2013.

Além de correções de bugs, esta atualização inclui o navegador Internet Explorer 11, novas opções para personalização da tela inicial, mudanças na versão “Metro” do painel de controle, novos aplicativos, suporte para uso de aplicativos como alarmes na tela inicial, otimizações com foco nos novos processadores Haswell da Intel, mudanças internas no kernel do Windows para melhorar o desempenho geral do sistema operacional e muito mais.

Além disso, o Windows 8.1 também traz o suporte para aparelhos com telas menores que 10 polegadas, o novo recurso Assigned Access (antes conhecido como modo Kiosk) e o suporte para resolução de 1024 x 768 no recurso Snap View (que permite a execução de aplicativos lado a lado):

Microsoft exibe o Windows 8.1 na TechEd 2013

Outro detalhe é que o menu Iniciar não voltará. Em seu lugar está um botão Iniciar na barra de tarefas. Este botão oferece acesso rápido à tela inicial assim como o botão de mesmo nome localizado na barra de Charms do Windows 8.

Além disso, este botão Iniciar também inclui as opções para desligar e reiniciar o PC. Outra novidade é o suporte para inicialização direta na área de trabalho:

W81-preview_6

W81-preview_7
Saiba mais sobre o Windows 8.1 Preview aqui. Usuários corporativos podem obter mais informações aqui.

_LogoSOSTER_TIVladimir Soster – SRTE-RO 1060
Me siga no Twitter
Me siga no Facebook

 

A Microsoft anunciou hoje no blog oficial da equipe do Windows que o Windows 8.1 será lançado no dia 18 de outubro.

De acordo com o anúncio, o Windows 8.1 será disponibilizado através da Windows Store neste dia e também poderá ser obtido através de revendedores. Além disso, a atualização será gratuita para os usuários do Windows 8.

Neste mesmo dia também chegarão ao mercado novos PCs, laptops, ultrabooks e tablets com o Windows 8.1.

Windows 8.1 será lançado no dia 18 de outubro

Sobre o Windows 8.1

Windows 8.1 é o nome da primeira grande atualização para o Windows 8. Além de correções de bugs, esta atualização inclui o navegador Internet Explorer 11, novas opções para personalização da tela inicial, mudanças na versão “Metro” do painel de controle, novos aplicativos, suporte para uso de aplicativos como alarmes na tela inicial, otimizações com foco nos novos processadores Haswell da Intel, mudanças internas no kernel do Windows para melhorar o desempenho geral do sistema operacional e muito mais.

Além disso, o Windows 8.1 também traz o suporte para aparelhos com telas menores que 10 polegadas, o novo recurso Assigned Access (antes conhecido como modo Kiosk) e o suporte para resolução de 1024 x 768 no recurso Snap View (que permite a execução de aplicativos lado a lado):

Microsoft exibe o Windows 8.1 na TechEd 2013

Outro detalhe é que o menu Iniciar não voltará. Em seu lugar está um botão Iniciar na barra de tarefas. Este botão oferece acesso rápido à tela inicial assim como o botão de mesmo nome localizado na barra de Charms do Windows 8.

Além disso, este botão Iniciar também inclui as opções para desligar e reiniciar o PC. Outra novidade é o suporte para inicialização direta na área de trabalho:

W81-preview_6

W81-preview_7
Uma versão de testes – Windows 8.1 Preview – está disponível para download aqui. Usuários corporativos podem obter mais informações aqui.

 

Nova ferramenta traz resultados por ‘curtidas’, fotos, vídeos e interesses.
Segundo Zuckerberg, sistema ajuda a responder questões específicas.

O Facebook anunciou nesta terça-feira (15), durante evento na sua sede em Menlo Park, na Califórnia, um novo sistema de buscas que mostra resultados baseados em conteúdos que o usuário curtiu (‘Likes’, em inglês), músicas, lugares, vídeos, fotos e interesses. Segundo Mark Zuckerberg, presidente-executivo da empresa, a ferramenta ajuda a responder perguntas específicas como “Quem são meus amigos em San Francisco?”.

Mark Zuckerberg fala sobre a nova ferramenta de buscas do Facebook (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

Mark Zuckerberg fala sobre a nova ferramenta de buscas do Facebook (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

Chamado “Graph Search” (“Busca Social”, em português), o novo sistema do Facebook entra no ar primeiro para quem usa a rede social em inglês, independente do endereço IP ou da localização do usuário. A ferramenta tem como objetivo ajudar os usuários a navegar melhor pela grande quantidade de informações disponíveis no Facebook. “Olhamos o Facebook como um grande banco de dados social”, disse Zuckerberg. “Assim como qualquer outro banco de dados, você deve ser capaz de consultá-lo”, acrescentou.

Tela de apresentação da nova busca social na página inicial do Facebook. (Foto: Reprodução)Tela de apresentação da nova busca social na
página inicial do Facebook. (Foto: Reprodução)

A companhia enfatizou que o novo serviço não busca informações na internet, como o Google, mas no “gráfico social”. “Já são mais de 1 bilhão de pessoas, 240 bilhões de fotos e 1 trilhão de conexões”.

Diferente da busca na web, que fornece os resultados por palavras-chave, a busca social combina frases, como “meus amigos em Nova York que curtem o Jay-Z”, para fazer a pesquisa em cima de conteúdos compartilhados no Facebook. A primeira versão da ferramenta tem foco em quatro áreas: pessoas, fotos, locais e interesses. Conforme a companhia, no futuro também será possível buscar em posts, comentários e ações.

Vídeos explicam como funciona a nova 'busca social' na página do Facebook. (Foto: Reprodução)Vídeos explicam como funciona a nova ‘busca social’
na página do Facebook. (Foto: Reprodução)

A “busca social”, que irá aparecer como uma barra de pesquisa no topo da página do Facebook, entra no ar nesta terça-feira (15) em uma versão beta limitada. Usuários da rede social em inglês podem se cadastrar na lista de espera para testar o sistema e ver vídeos que explicam como a busca funciona e como foi criada neste link. A companhia também informou que há planos de implantação do serviço em outros idiomas nos próximos meses, mas ainda sem data definida.

Segundo o Facebook, o novo sistema permite cruzar pesquisas como “pessoas que curtiram uma página e visitaram o museu Moma”. Ao digitar, por exemplo, “pessoas que gostam de fazer caminhadas”, o site mostra os resultados de “Likes” e fotos deste tema.

De acordo com Zuckerberg, o Facebook fez parceria com a Microsoft para usar o motor de busca Bing no novo serviço e para encontrar conteúdos fora da rede social. Ele disse que a companhia discutiu a ideia de trabalhar com o Google, mas a Microsoft demonstrou estar mais disposta a fazer coisas específicas para o Facebook.

Busca social mostra fotos dos amigos antes de 1999 após pesquisa na ferramenta (Foto: Divulgação)
Busca social mostra fotos dos amigos antes de 1999 após pesquisa na ferramenta (Foto: Divulgação)

“Nossa missão é tornar o mundo mais aberto e conectado”, disse Zuckerberg no início do evento. O executivo explicou que existem dois serviços que ajudam a deixar o mundo mais conectado: aquele que conecta os usuários com pessoas que eles já conhecem, e aquele que os ajuda a fazer novas conexões. Conforme o Facebook, a “busca social” ajuda as pessoas a fazer novas conexões.

Privacidade
Zuckerberg disse que a busca social foi construída com a privacidade em mente. “A maioria do conteúdo no Facebook não é público. A ‘busca social’ é uma maneira de encontrar coisas que foram compartilhadas com você”, disse o executivo. A empresa ressaltou que conteúdos colocados como “privados” não irão aparecer nos resultados das buscas. “Você pode ver somente aquilo que você já poderia visualizar em outros lugares no Facebook”, disse a companhia.

_LogoSOSTER_TIVladimir Soster – SRTE-RO 1060
Me siga no Twitter
Me siga no Facebook

Segundo a empresa, a maioria das pessoas já deixou o recurso de lado no Windows 7.

(Fonte da imagem: Tecmundo)

Muitas pessoas têm estranhado a interface do Windows 8, primeiro porque a Metro é completamente diferente de tudo o que já foi visto antes no sistema. Depois, porque a Microsoft eliminou o botão Iniciar da Área de trabalho. Dezessete anos depois de marcar o lançamento do Windows 95, o recurso foi deixado de lado.

Embora muitos tenham dito que a Microsoft só fez isso para forçar as pessoas a se acostumarem com a nova interface, essa não é a versão oficial da empresa. De acordo com Chaitanya Sareen, um executivo da empresa, a medida foi tomada principalmente porque as pessoas simplesmente pararam de usar o botão Iniciar:

Oportunidade para se renovar

“Quando nós desenvolvemos a barra de tarefas, vimos uma crescente adoção da fixação dos aplicativos nela. Depois disso, a utilização do botão Iniciar diminuiu drasticamente. Isso nos abriu uma oportunidade: o que fazer para ampliar a experiência de uso e reinventar o botão Iniciar? Como dar nova identidade e devolver o poder a ele?”, questiona Sareen.

“A opção foi desenvolver a Metro, onde é possível fixar os aplicativos livremente, sem a necessidade de recorrer a uma imensidade de menus — um dentro do outro — como era antes”. Sareen também declarou que a interface Metro não funciona melhor em telas de toque do que com o mouse. Segundo ele, a experiência de uso é fantástica em qualquer uma das opções.

_LogoSOSTER_TIVladimir Soster – SRTE-RO 1060
Me siga no Twitter
Me siga no Facebook

Saiba como continuar utilizando o Windows XP após receber
a mensagem de aviso.

Por André Luiz Pereira – TECNOMUNDO


(Fonte da imagem: Divulgação / Microsoft)

Apesar de já ter uma data de validade anunciada, o Windows XP ainda é um dos sistemas operacionais mais usados, e seus usuários não pretendem deixá-lo tão cedo. Por isso, ainda existem aqueles que, ao utilizarem um computador com o XP, recebem mensagens de erro ou avisos da Microsoft em relação ao SO.

Uma das mensagens que algumas pessoas podem receber é a de que a cópia do Windows não é original. Uma solução para esta mensagem é incluir uma chave de ativação válida para o sistema operacional, mas, em alguns casos, se o problema persistir, você pode removê-la.

Entendendo a atualização KB905474

O Windows XP, assim como versões mais atuais do sistema operacional, realiza atualizações de segurança através da internet. Essas atualizações podem ter como função fechar brechas de segurança ou consertar alguns bugs encontrados no sistema.

Uma dessas atualizações tem o nome de KB905474. Ela, na verdade, serve para realizar uma varredura no sistema operacional checando as chaves de ativação dele. Caso a key utilizada no seu computador esteja ativada em mais de um computador ao mesmo tempo, a mensagem de que a cópia do Windows pode não ser original será exibida.


(Fonte da imagem: Reprodução / Clube do Hardware)

Isso acontece porque foi instalado no SO o Windows Genuine Advantage, que sempre realizará a varredura no computador em busca de chaves de ativação que já estão em uso ou estejam em alguma blacklist da Microsoft.

Notem que, mesmo com o aviso, o Windows ainda deve funcionar, podendo, em alguns casos, apenas retirar o papel de parede que você havia escolhido, deixando uma tela preta com um aviso de que você pode não estar utilizando um software original.

Retirando a mensagem de alerta

Digamos que você recebeu a mensagem de aviso e não tem como incluir uma chave válida para o Windows XP. Como proceder? Para resolver esta situação, você precisará do seguinte aplicativo:

— RemoveWGA

Depois de baixar o aplicativo, execute-o normalmente no seu computador. Como o próprio nome do programa indica, o RemoveWGA retira a atualização KB905474 (e, subsequentemente, o Windows Genuine Advantage).


(Fonte da imagem: Reprodução / Baixaki)

Isso deve resolver a questão das mensagens, mas não significa que o sistema não poderá trazer o WGA novamente na próxima atualização. Portanto, você deve realizar uma configuração que deverá ficar ativada dessa forma até o momento que você incluir a chave original do Windows XP.

Configurando as atualizações do sistema operacional

Conforme comentamos, a mensagem de alerta faz parte de uma atualização do Windows XP. Com o RemoveWGA, você a retira do computador, mas, na próxima vez que o sistema de atualizações do Windows operar, ela retornará à sua máquina.

Para evitar que isso aconteça, é necessário que você modifique a forma como o seu computador é atualizado. Provavelmente, seu PC está configurado para atualizar automaticamente quando conectado à internet.

Vá até o Painel de Controle e selecione Sistema. Nas propriedades do sistema, escolha a aba “Atualizações Automáticas”. Ali, mude a opção de atualização automática e escolha a opção “Avisar, mas não fazer o download nem instalá-las automaticamente”.


(Fonte da imagem: Reprodução / Clube do Hardware)

Agora, sempre que o Windows XP precisar atualizar, você será avisado e terá a opção de permitir ou não o download da atualização. Além disso, você poderá escolher exatamente quais delas serão baixadas. É aqui que você pode barrar, por um tempo, o WGA.

Eventualmente, será solicitada a instalação da atualização KB905474. Desmarque a caixa de seleção dela e feche a janela. O Windows deve mostrar, então, a opção de não exibir mais avisos sobre aquela atualização específica. Caso faça isso, o WGA não será mais instalado no seu computador.

No momento, a Microsoft conta apenas com esta ferramenta para verificação de chaves de ativação do Windows, mas nada impede que outras formas apareçam.