Oh! Oh! A volta do que não foi

Publicado: 28/01/2010 em Hardware

Vladimir Soster

A interface é personalizável, com nove cores da sua preferência  - (ICQ /Reprodução - 27/1/10)

A interface é personalizável, com nove cores da sua preferência

Ele, na verdade, nunca saiu de linha, mas surge reformulado após um longo inverno, pelo menos, na preferência dos brasileiros. Febre nos anos 1990, quando era líder absoluto na comunicação instantânea por aqui, o ICQ voltou. E com anos de atraso, diante do novo sinônimo de mensageiro instantâneo, o MSN, chamado oficialmente pela Microsoft de Live Messenger. Para encarar o desafio, a versão 7 do ICQ vem repaginada, prometendo integração a redes como o Twitter, FlickR e YouTube. De carona na curiosidade de muita gente, o Informátic@ também se rendeu à nostalgia do ICQ e resolveu experimentar o que há de novo nos domínios do “Oh-oh!” (emblemática vinhetinha sonora que indicava quando uma nova mensagem chegava).
O “Oh-oh!”, aliás, não é mais o mesmo – embora alguns reconheçam o novo som de alerta como atualização charmosa do antigo, a nova versão é facilmente confundível com um cacarejo. À parte a trilha sonora, surpresa bacana fica por conta da possibilidade de recuperar seu UIN (lembra que o cadastro não era por nome de usuário, mas por um extenso número?). Se você obviamente não se recorda da sequência numérica, pode procurar pelo seu nome na base de usuários. Se não se recorda da senha, o sistema envia e-mail para seu endereço (outrora cadastrado) para a criação de uma nova. Se você não tem mais seu antigo e-mail, o jeito é se conformar e criar um outro usuário. Disponível, por enquanto, apenas para Windows, a interface tem novas cores, para descansar a vista.

Sistema reconhece endereços de contas de e-mail, para ampliar a rede - (ICQ /Reprodução - 27/1/10)

Sistema reconhece endereços de contas de e-mail, para ampliar a rede

O Informátic@ conseguiu recuperar o usuário antigo – e, com ele, toda a nostalgia dos usuários com os quais mantínhamos contato há 14 anos. É claro que muita gente daquela época ainda não aderiu ao retorno do ICQ. E o mais provável é que a situação se mantenha assim. Passada a curiosidade do recadastro, a nova versão não segura a onda para voltar ao topo. Quando o MSN puxou o tapete do ICQ, os diferenciais eram ferramentas que hoje parecem banais, como a exibição de fotos dos usuários e contatos mais simples. O ICQ correu atrás disso, mas se esqueceu das chamadas em áudio e vídeo e também das mensagens por SMS.
É interessante a integração com o Twitter – lembra muito o que o Facebook já faz – e também a parceria com o Babylon (ferramenta com dicionário, Wikipedia e tradução), mas esses não são fatores para fazer ninguém migrar de comunicador instantâneo. Enquanto o Live Messenger tem 330 milhões de usuários no planeta, o ICQ tem 190 milhões (a maior parte concentrada na Alemanha, Rússia, Ucrânia e Israel, sua terra natal).

Atualizações e contatos do Facebook vão parar diretamente no ICQ - ()

Atualizações e contatos do Facebook vão parar diretamente no ICQ

Fora da briga, o gTalk tem 5 milhões de usuários, mais leve que os grandalhões, pode funcionar no próprio gMail, sem precisar instalar nada no computador. Em contrapartida, só funciona para quem tem gMail e todos os seus contatos do serviço entram automaticamente na lista de contatos instantâneos – não é possível bloquear chatos. Diante disso, a supremacia do Live Messenger deve seguir inabalada. Pesa bastante o fato de, ao se conectar no ICQ, não se encontrar ninguém on-line, apenas nomes esmaecidos de gente que o tempo já esmaeceu. É até um pouco triste afirmar, mas nesse caso, quem já foi rei perdeu a majestade.
Para baixar: www.icq.com/download

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s