RJ terá 1ª cidade do mundo com um computador por aluno

Publicado: 21/06/2009 em Hardware

Alunos utilizam o Classmate PC com tecnologia IntelA cidade de Piraí, no Rio de Janeiro, será, a partir de agosto, a primeira cidade do mundo a ter um computador por aluno em toda a rede municipal.

A medida que envolverá um total de 6,2 mil estudantes. As informações foram dadas hoje pelas autoridades do município, depois da confirmação da compra de 5,5 mil novos computadores educativos, que serão entregues nas 21 escolas públicas de Piraí, segundo um acordo do governo do Estado e a empresa Intel.

A iniciativa faz parte do projeto Piraí Digital, iniciado em 2004, para transformar esta pequena cidade de pouco mais de 25 mil habitantes e cerca de 500 km² em uma "cidade digital", que promoverá a inclusão nas novas tecnologias, assim como uma educação mais interativa e colaboradora.

Os novos computadores serão somados a outros 700 que já foram entregues em uma primeira fase do projeto e cujo preço foi de RS$ 700 por unidade. Segundo uma das coordenadoras do projeto, a professora Maria Helena Cautiero, o colégio Professora Rosa da Conceição Guedes duplicou em apenas dois anos sua avaliação no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), passando de 2,2 pontos para 4,8 pontos.

O computador utilizado pelos alunos é o Classmate PC, desenvolvido especialmente para atender as necessidades fundamentais da educação. Ele tem características como estrutura durável, resistência a quedas, capa protetora com alça para transporte, teclado resistente a água e software educacional integrado.

Nesta fase inicial do projeto Piraí Digital, que contou com um investimento de RS$ 5,2 milhões, a cobertura total do município com conexão de banda larga sem cabo também foi implantada.

O vice-governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, afirmou que se foi possível implantar esta iniciativa em uma cidade "com uma topografia tão complicada como a de Piraí, é possível fazê-lo no país inteiro".

Pezão manifestou sua intenção de expandir o programa Piraí Digital para o milhão e meio de alunos da rede de ensino pública de todo o Estado.

“Esta é uma atitude política de deve ser copiada pelos governantes do Estado de Rondônia que vivem falando de boca cheia em prol de saúde e de educação e o que se vê é a mesmisse mascarada” (Vladimir Soster).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s